Entrada

Aproximai-vos do SenhorF. Santos
Caminhamos para o vosso altarM. Luís
Cantarei cantarei a bondade do SenhorF. Santos
Creio em JesusC. Erdozain
Eis o caminhoA. Cartageno
Escuta IsraelCarlos Silva
Eu sou a Salvação do meu povoCarlos Silva
Exulto de alegriaM. Silva
Feliz o Povo de quem o Senhor é DeusA. Cartageno
Louvado sejais SenhorCarlos Silva
Louvado sejais SenhorM. Luís
Louvai louvai o SenhorF. Silva
Pão partido para um mundo novoJ. Akepsimas
Povo de ReisL. Deiss
Proclamai que Jesus CristoL. Deiss
Senhor Jesus Mestre divinoAzevedo de Oliveira
Senhor quem entraráI. Larrañaga
Vamos confiantesCarlos Silva
Vós que fostes baptizadosF. Santos

Salmo Responsorial

Diante dos PovosF. Santos
Diante dos PovosM. Luís

Apresentação dos Dons

Creio em JesusC. Erdozain
Deus é amorM. Luís
Deus precisa de tuas mãosDesconhecido
Escuta IsraelCarlos Silva
Eu vim para que tenham vidaF. Silva
Feliz o Povo de quem o Senhor é DeusA. Cartageno
Proclamai que Jesus CristoL. Deiss
Senhor Jesus Mestre divinoAzevedo de Oliveira
Senhor nós Vos oferecemos / Para Vossa glóriaB. Salgado
Senhora um dia descestesCarlos Silva
Só no Espírito de DeusCarlos Silva
Sobre o altarC. Gabarain
Tudo possoCarlos Silva
Vamos confiantesCarlos Silva
Vós que fostes baptizadosF. Santos

Comunhão

Aproximai-vos do SenhorF. Santos
Beberam o cálice do SenhorA. Cartageno
Beberam o cálice do SenhorCarlos Silva
Caminhamos para o vosso altarM. Luís
Cantarei ao Senhor enquanto viverCarlos Silva
Deus é amorM. Luís
Eis o caminhoA. Cartageno
Escuta IsraelCarlos Silva
Eu vim para que tenham vidaF. Silva
Felizes os convidadosCarlos Silva
Felizes os convidadosM. Luís
Os ricos empobrecemCarlos Silva
Pão partido para um mundo novoJ. Akepsimas
Só no Espírito de DeusCarlos Silva
Tudo possoCarlos Silva
Vós que fostes baptizadosF. Santos

Pós-Comunhão

Bendito seja Deus bendito sejaM. Simões
Cantarei ao Senhor enquanto viverCarlos Silva
Cantarei cantarei a bondade do SenhorF. Santos
Cantarei eternamenteM. Luís
Creio em JesusC. Erdozain
Deus é amorM. Luís
Escuta IsraelCarlos Silva
Eu canto para sempreM. Luís
Exulto de alegriaM. Silva
Louvado sejais SenhorCarlos Silva
Louvado sejais SenhorM. Luís
Louvai louvai o SenhorF. Silva
Povo teu somosLoys Bourgeois
Proclamai que Jesus CristoL. Deiss
Senhora um dia descestesCarlos Silva
Só a ti cantamosM. Fuertes
Só no Espírito de DeusCarlos Silva
Tudo possoCarlos Silva

Final

Aleluia glória ao SenhorDesconhecido
Bendito seja Deus bendito sejaM. Simões
Cantarei cantarei a bondade do SenhorF. Santos
Creio em JesusC. Erdozain
Deus precisa de tuas mãosDesconhecido
Louvai louvai o SenhorF. Silva
Povo teu somosLoys Bourgeois
Senhora um dia descestesCarlos Silva
Sereis minhas testemunhasA. Costa
Só a ti cantamosM. Fuertes
Vem vem connosco a caminhar (Ao longo da tua vida)A. Espinosa

Leituras

ANTÍFONA DE ENTRADA Salmo 129, 3-4
Se tiverdes em conta as nossas faltas,
Senhor, quem poderá salvar-se?
Mas em Vós está o perdão, Senhor Deus de Israel.

ORAÇÃO COLECTA
Nós Vos pedimos, Senhor, que a vossa graça
preceda e acompanhe sempre as nossas acções
e nos torne cada vez mais atentos
à prática das boas obras.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

LEITURA I 2 Reis 5, 14-17
«Naamã foi ter novamente com o homem de Deus»

e confessou a sua fé no Senhor
A primeira e a terceira leitura deste domingo põem, lado a lado, dois estrangeiros que mostram ter uma alma mais próxima de Deus do que muitos dos do seu povo. Não foi o pertencerem oficialmente ao povo eleito que os salvou, mas o saberem abrir-se à palavra de Deus e terem fé n’Ele. Para Deus não há estrangeiros, e os que são do seu povo só aproveitarão de tal situação se viverem da fé.

Leitura do Segundo Livro dos Reis
Naqueles dias, o general sírio Naamã desceu ao Jordão e aí mergulhou sete vezes, como lhe mandara Eliseu, o homem de Deus. A sua carne tornou-se tenra como a de uma criança e ficou purificado da lepra. Naamã foi ter novamente com o homem de Deus, acompanhado de toda a sua comitiva. Ao chegar diante dele, exclamou: «Agora reconheço que em toda a terra não há outro Deus senão o de Israel. Peço-te que aceites um presente deste teu servo». Eliseu respondeu-lhe: «Pela vida do Senhor que eu sirvo, nada aceitarei». E apesar das insistências, ele recusou. Disse então Naamã: «Se não aceitas, permite ao menos que se dê a este teu servo uma porção de terra para um altar, tanto quanto possa carregar uma parelha de mulas, porque o teu servo nunca mais há-de oferecer holocausto ou sacrifício a quaisquer outros deuses, mas apenas ao Senhor, Deus de Israel».
Palavra do Senhor.

SALMO RESPONSORIAL Salmo 97 (98), 1-4 (R. cf. 2b)
Refrão: O Senhor manifestou a salvação a todos os povos. Repete-se
Ou: Diante dos povos manifestou Deus a salvação. Repete-se

Cantai ao Senhor um cântico novo
pelas maravilhas que Ele operou.
A sua mão e o seu santo braço
Lhe deram a vitória. Refrão

O Senhor deu a conhecer a salvação,
revelou aos olhos das nações a sua justiça.
Recordou-Se da sua bondade e fidelidade
em favor da casa de Israel. Refrão

Os confins da terra puderam ver
a salvação do nosso Deus.
Aclamai o Senhor, terra inteira,
exultai de alegria e cantai. Refrão

LEITURA II 2 Tim 2, 8-13
«Se sofremos com Cristo, também com Ele reinaremos»

A leitura do Apóstolo começa por um acto de fé na pessoa de Nosso Senhor Jesus Cristo, para passar depois a uma profissão de fé no sentido da vida do cristão em comunhão com Cristo, que morreu e ressuscitou. Esta leitura é assim um verdadeiro hino, onde se proclama o sentido último da vida cristã, vida que encontra todo o sentido na união ao Senhor Jesus, no seu mistério pascal.

Leitura da Segunda Epístola do apóstolo São Paulo a Timóteo
Caríssimo: Lembra-te de que Jesus Cristo, descendente de David, ressuscitou dos mortos, segundo o meu Evangelho, pelo qual eu sofro, até ao ponto de estar preso a estas cadeias como um malfeitor. Mas a palavra de Deus não está encadeada. Por isso, tudo suporto por causa dos eleitos, para que obtenham a salvação que está em Cristo Jesus, com a glória eterna. É digna de fé esta palavra: Se morremos com Cristo, também com Ele viveremos; se sofremos com Cristo, também com Ele reinaremos; se O negarmos, também Ele nos negará; se Lhe formos infiéis, Ele permanece fiel, porque não pode negar-Se a Si mesmo.
Palavra do Senhor.

ALELUIA cf. 1 Tes 5, 18
Refrão: Aleluia. Repete-se
Em todo o tempo e lugar dai graças a Deus,
porque esta é a sua vontade a vosso respeito
em Cristo Jesus. Refrão

EVANGELHO Lc 17, 11-19
«Não se encontrou quem voltasse para dar glória a Deus
senão este estrangeiro»

A atitude fundamental da oração é a acção de graças, porque ela supõe no cristão, antes de mais, o reconhecimento do que Deus lhe dá e a resposta a esse dom, com o louvor agradecido. É precisamente esta atitude espiritual que se exprime com a palavra “eucaristia”, o nome da acção de graças por excelência.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
Naquele tempo, indo Jesus a caminho de Jerusalém, passava entre a Samaria e a Galileia. Ao entrar numa povoação, vieram ao seu encontro dez leprosos. Conservando-se a distância, disseram em alta voz: «Jesus, Mestre, tem compaixão de nós». Ao vê-los, Jesus disse-lhes: «Ide mostrar-vos aos sacerdotes». E sucedeu que no caminho ficaram limpos da lepra. Um deles, ao ver-se curado, voltou atrás, glorificando a Deus em alta voz, e prostrou-se de rosto em terra aos pés de Jesus, para Lhe agradecer. Era um samaritano. Jesus, tomando a palavra, disse: «Não foram dez os que ficaram curados? Onde estão os outros nove? Não se encontrou quem voltasse para dar glória a Deus senão este estrangeiro?». E disse ao homem: «Levanta-te e segue o teu caminho; a tua fé te salvou».
Palavra da salvação.

ORAÇÃO DOS FIÉIS

Caríssimos irmãos e irmãs:
Elevemos as nossas súplicas a Deus Pai,
que quer salvar todos os homens,
mesmo aqueles que O não invocam nem adoram,
e supliquemos, dizendo (ou: cantando):

R. Deus omnipotente, vinde em nosso auxílio.
Ou: Ouvi-nos, Senhor.
Ou: Ouvi, Senhor, o vosso povo.

1. Para que o nosso Bispo N., os presbíteros e os diáconos
acolham sem distinções nem preconceitos
os mais rejeitados que deles se aproximam,
oremos.

2. Para que os médicos, capelães e enfermeiros,
que assistem aos doentes que perderam toda a esperança,
recebam como prémio a vida eterna,
oremos.

3. Para que os leprosos e doentes incuráveis
encontrem em cada homem que os serve
um irmão, uma irmã e a própria mãe,
oremos.

4. Para que Jesus, que sofre nos doentes,
os pacifique com a graça da sua presença
e lhes dê a fidelidade até ao fim,
oremos.

5. Para que cada um de nós, quando estiver doente,
saiba mostrar-se reconhecido com quem o trata
e dar graças a Deus, fonte de todos os bens,
oremos.

Deus, nosso Pai,
que enviastes o vosso Filho muito amado
para nos curar de todo o mal,
dai-nos um coração agradecido
que saiba dar-Vos louvor e glória.
Por Cristo Senhor nosso.

ORAÇÃO SOBRE AS OBLATAS
Aceitai, Senhor,
as orações e as ofertas dos vossos fiéis
e fazei que esta celebração sagrada
nos encaminhe para a glória do Céu.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

ANTÍFONA DA COMUNHÃO Salmo 33, 11
Os ricos empobrecem e passam fome;
mas nada falta aos que procuram o Senhor.

Ou cf. 1 Jo 3, 2
Quando o Senhor Se manifestar,
seremos semelhantes a Ele,
porque O veremos na sua glória.

ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO
Deus de infinita bondade,
que nos alimentais com o Corpo e o Sangue do vosso Filho,
tornai-nos também participantes da sua natureza divina.
Ele que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.