Quando o Profeta chegar

Música: S. Morgado
Letra:

1. Quando o Profeta chegar / à terra faminta de pão e de sol, / quando a justiça brotar / da terra regada de sangue e suor, / e quando a aurora romper / de longe trazendo a esperança no olhar… / Então eu irei, tu irás, / nós iremos soltar as fontes da paz.

Vem à festa dos pobres,
canta connosco a canção da paz,
vem, traz a tua dor, traz a tua voz. Vencerás!

2. Quando o Profeta falar / aos grandes da terra, aos fartos de pão. / Quando a esperança descer / ao peito dos fracos, da gente sem voz. / E quando a Promessa surgir / metendo no peito a força de crer... / Então eu irei, tu irás, / nós iremos cantar a libertação.

3. Quando o Profeta rasgar / os muros erguidos p’lo medo de ser. / Quando o dia brilhar / nos olhos molhados das almas sem véu. / E quando a verdade soltar / a vida que o peito não pode conter... / Então eu irei, tu irás, / nós iremos mudar as trevas em luz.

4. Quando o Menino nascer / no monte sozinho, na noite da paz. / Quando o Mistério se abrir / e a terra trouxer o fruto do Céu. / E quando a Palavra habitar / no mundo, ardendo em ânsias de amor... / Então saberei, saberás, / saberemos que o Sol não mais morrerá.

Áudio

Artigo ainda sem áudio. Para colaborar, carregue aqui.

Pauta

Vídeo

Artigo ainda sem vídeo. Para colaborar, carregue aqui.

Tags

Menu Rápido

Pautas por email

Agora, este serviço é gratuito. Todas as semanas, na sua caixa de email, as sugestões para as Eucaristias dominicais. Saiba mais pormenores, aqui!

Categorias

Categorias

Colaborar

COLABORAR
O Laudate está permanentemente a aumentar o seu acervo e a completar os títulos de que dispõe. Este trabalho também é resultado da colaboração dos seus utilizadores.